quinta-feira, 26 de maio de 2011

Sobre a Morte Corporal

 Dizia Santo Afonso Maria de Ligório: "Devemos estar prontos para aceitar a morte, aquela morte que é da vontade de Deus. Temos de morrer. Nossa vida vai terminar na última doença e não sabemos qual delas nos levará a sepultura. Portanto, é necessário que nos preparemos em todas as enfermidades para abraçar a morte que Deus nos tem destinado. Alguém poderá dizer: "Mas eu fiz tantos pecados e nenhuma penitência! Queria viver, não por viver, mas para dar alguma satisfação a Deus antes de morrer. Dize-me, como sabes que, vivendo farás penitência e não te comportarás pior do que antes? Neste momento podes esperar que Deus te tenha perdoado. Mas que melhor penitência do que aceitar com resignação a morte, se Deus assim o quer?. São Luis Gonzaga, que morreu jovem com 23 anos abraçou a morte alegremente, dizendo: 'Encontro-me agora, assim espero, na graça de Deus. Mais tarde não sei o que serás de mim. Morro contente, se nesta hora Deus quiser me chamar para a outra vida'. E São João de Ávila dizia que uma pessoa, encontrando-se com boas disposições, mesmo medíocres, deve desejar a morte para sair do perigo em que sempre vivemos neste mundo, de poder pecar e perder a graça de Deus".(Santo Afonso Maria de Ligório - A Prática do Amor a Jesus Cristo).

Fonte:http://www.voltaparacasa.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por nos visitar!