terça-feira, 28 de agosto de 2012

Filho do Homem

Ele veio de muito longe
Ele sempre viveu, nunca deixou de existir
Nasceu como homem entre eles viveu
Teve uma mãe e um pai.

foi um bebê,
criança, jovem
Morreu sendo um adulto
Morreu antes da velhice.

Conversou com doutores,
Veio de um povo especial
                                            Testemunhou a .............
todos
E foi tentado em tudo
mas não padeceu.

Um prodígio simples entre os homens,
Fez muitos milagres,
Livrou pessoas de demônios,
Curou a sogra de Pedro,
Um paralítico em Cafarnaum,
Um leproso.

Ele comeu entre os pecadores,
Foi rejeitado e açoitado por fazer
o que era bom, e fazer a vontade do Pai.


http://poetaseletras.blogspot.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por nos visitar!