sábado, 21 de novembro de 2009


APAGÃO EM BRASILIA FOI PIOR QUE RESTANTE DO BRASIL:
NO SENADO “MORDAÇA GAY” FOI APROVADA




Hoje acordei querendo saber das notícias do apagão. Faltou luz em mais de 800 cidades do Brasil. Mas o que me deixou mais revoltado foi o apagão que aconteceu em Brasília. Disseram que lá não faltou energia elétrica. Mas teve um apagão muito pior! Faltou gente católica para frear os intuitos satânicos.
Na calada, na surdina, no Congresso Nacional, que ultimamente vem mostrando sujeira e miséria, a Comissão de Assusntos Sociais do Senado (sempre o Senado) aprovou o projeto da Senadora Fátima Cleide (PT-RO. Sempre o PT…) chamado de PLC 122/06 ou “Mordaça Gay”. O projeto fora modificado com a ajuda do Senador Marcelo Crivela (da Universal) e agora inclui idosos e até protestantes.
O curioso é que o projeto fora para votação sem ser comunicado na pauta normal do dia. Foi realmente uma jogada suja, tão suja quanto os que projetaram essa vergonha. Quero transcrever aqui um trecho do texto do Pastor Batista Júlio Severo:
Enquanto a bancada evangélica estava elaborando seus argumentos para os debates das audiências e enquanto o Brasil estava distraído com a enquete do Senado e suas desculpas, Fátima Cleide e seus aliados passaram a perna em todos.
O sistema automático do Senado, que avisa os assinantes das votações a se realizar, nada comunicou ao Brasil. O esquema de Cleide foi tão ardiloso que até mesmo no Senado os opositores do PLC 122/06 não tinham a mínima consciência de que sua votação ocorreria hoje, descansando tranquilamente na idéia de que havendo mais duas audiências programadas, seria impossível uma votação repentina.
O PLC 122/06 que foi maliciosamente aprovado hoje contém modificações elaboradas juntamente com o Senado Marcelo Crivella, pois em sua forma anterior o projeto estava enfrentando mais dificuldades para avançar. A fim de facilitar seu avanço, a negociação com Crivella adicionou idosos, deficientes e até evangélicos ao projeto, que mesmo assim continua com sua carga explosiva de favorecimento ao homossexualismo e ameaça de perseguição ao direito de livre expressão contra a conduta homossexual.
Esse projeto agora precisa passar por mais duas aprovações: Uma pela Comissão dos Direitos Humanos e outra pela Câmara dos Deputados, para por fim, ser sancionado pelo nosso Presidente. A pergunta que não quer calar: Vai ser feito na surdina de novo? Que coisa nojenta!


Mas o que diz esse projeto enfim?


Bom, esse projeto torna crime qualquer coisa que seja dita sobre o homossexualismo, inclusive que ele é pecado. Ou seja, se algum pregador, padre, pastor ou cidadão de bem disser que o homossexualismo é pecado, ele cairá na categoria de “incitação a homofobia”. Se algum casal de homossexuais estiver por exemplo se beijando na calçada da sua casa e você reclamar, cairá na mesma categoria e pode ser preso ou presa. No texto do Pastor Júlio Severo, ele diz que pastores e padres já estão sendo ameaçados. O Pr. Ademir Kreutzfeld, da Igreja Luterana de Santa Catarina, recebeu uma intimação em 2007 apenas por se opor ao homossexualismo.


Católicos do Brasil acordem! Olhem os políticos que vocês estão elegendo. Infelizmente muito católico de Rondônia votou nessa senadora maquiavélica. Preste atenção em quem você vota! Muito católico votou no tal Crivela, que apesar de “pastor” da universal está ajudando essa senadora. Homossexualismo é pecado sim! Então prestem atenção. Seu voto é sua arma!

“Por causa disso, os entregou Deus a paixões infames; porque até as mulheres mudaram o modo natural de suas relações íntimas por outro, contrário à natureza; semelhantemente, os homens também, deixando o contacto natural da mulher, se inflamaram mutuamente em sua sensualidade, cometendo torpeza, homens com homens, e recebendo, em si mesmos, a merecida punição do seu erro” (Romanos 1:26-27).

“Não vos enganeis: nem impuros, nem idólatras, nem adúlteros, nem efeminados, nem sodomitas . . . herdarão o reino de Deus” (1 Coríntios 6:9-10).
Deus aprova as relações sexuais entre um homem e sua esposa legítima (de acordo com a lei de Deus). Todas as outras relações sexuais sejam homossexuais ou heterossexuais são sempre e absolutamente proibidas (Hebreus 13:4). Não nos cabe procurar desculpas para justificar o pecado. É nossa responsa-bilidade buscar o meio de vencer a tentação (1 Coríntios 10:13; Tiago 4:7-10).


Hoje estou chateado! É preciso reagir. Se você tem um blog ou site católico, copie esse texto! Vamos espalhar a notícia e a nossa indignação!

Por:Dominus vobiscum

Um comentário:

  1. O senhor te de a paz! Trabalhando no blog! parabéns velho, seu blog tá bom!

    ResponderExcluir

Obrigado por nos visitar!