sábado, 20 de agosto de 2011

Previnir, Não Reprimir O Sistema Preventivo de Dom Bosco

É sabido por todos que o processo ensino-aprendizagem não acontece sempre de modo tranquilo, sem resistências, conflitos  e desvios. A relação educador - educando, aparentemente fácil, está constantemente sendo desafiada no que diz respeito à questão dos limites. É preciso entendê-los e, sobretudo, saber trabalhá-los. Em educação, a disciplina que provém de uma boa relação educador - educando, relação estruturada sobre os limites, é de fundamental importância para o sucesso do processo educativo. É ela que, como experiência bem sucedida, vai proporcionar as condições ideais para que o educador consolide laços de confiança com o educando, tenha oportunidades efetivas de desempenhar bem sua função formativa. No Projeto Operativo de Dom Bosco, o Sistema Preventivo, a disciplina é vista como uma  ............
conquista que acontece a partir das forças interiores do mesmo. Ela não representa imposição, autoritarismo, muito menos algo que seja imposto de fora para dentro. Ela é vivida como uma convicção, como algo que nasce e se consolida a partir da opção do sujeito. Sendo assim, toda e qualquer ação que esteja voltada para uma possível “correção” do educando não pode basear-se em punições e castigos simplesmente.
      “A ‘correção’, na sua forma mais geral e comum, é da essência do sistema preventivo, porque, se os meninos não errassem, salvo raras exceções, não seriam mais meninos, e não precisariam mais de educação. 
(...) Ela, pois, acompanha necessariamente todos os momentos da ação educativa: palavra ao ouvido, avisos em particular e em público, boa-noite, bilhetinhos, chamadas à atenção no estudo e na aula, na recreação e nos passeios, na igreja e no dormitório, em toda parte”.   
The beginning of the activities

 
 
 Assim é o Sistema Preventivo 
 
 
de Dom Bosco
 
Fonte:http://alexandriacatolica.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por nos visitar!